• Home
  • Marketing
  • Entendendo a jornada de compra do cliente do seu restaurante

Entendendo a jornada de compra do cliente do seu restaurante

Entendendo a jornada de compra do cliente do seu restaurante

Antes mesmo de um novo cliente passar pela porta do seu estabelecimento ele já começou a sua jornada em achar um lugar que ele se identifique. Cada detalhe da jornada de compra do cliente merece a sua atenção e planejamento, pois a consequência de uma boa experiência é um cliente fidelizado.

Conheça a seguir a jornada de compra de um cliente em relação a escolha de um restaurante:

Descoberta

A necessidade de se alimentar e não ter o que comer em casa ou apenas a vontade de sair de casa para fazer uma refeição. Existem vários motivos pelo qual uma pessoa procura por um restaurante. Essa necessidade pode partir voluntariamente de uma pessoa, ou pode ser estimulada pela sua empresa.

Hoje em dia a maioria das pessoas procuram estabelecimentos pela internet, e é a partir daí que você deve começar a prestar atenção. Seu negócio físico precisar estar online para ser facilmente encontrado, seja através de site ou uma página no Facebook. Não use essas plataformas apenas para divulgar o seu estabelecimento, interaja com os internautas, fale a língua do seu público alvo e as pessoas vão lembrar do seu restaurante na hora de escolher.

Mídias do mundo físico também podem fazer parte do seu plano de marketing como rádio, tv e outdoors etc, porém é preciso ter em mente que essas mídias pesam mais no seu bolso no final do mês em relação a estratégias digitais, e a mensuração de quantos clientes essas ações trouxeram para seu restaurante é muito difícil de ser feita. Ter essas métricas é essencial para saber se o seu investimento em marketing está funcionando ou te trazendo prejuízos, por isso comece a apostar mais em mídias que possam te trazer essas informações facilmente.

Conhecendo o estabelecimento

Nessa parte da jornada do cliente ele escolheu o seu estabelecimento e se deslocou até ele. No primeiro contato com um lugar novo, não apenas o visual do ambiente mas também os aromas sentidos, a música que toca ao fundo e a iluminação servirão para compor uma primeira impressão e a experiência do cliente em relação ao seu estabelecimento. Busque criar um elo emocional com o consumidor e o faça-o se sentir em casa, e tudo ao seu alcance para que ele fique o maior tempo possível no seu estabelecimento.

A primeira impressão é a que fica, por isso se atente a sempre atualizar fotos do seu estabelecimento online ou nos meios de comunicação que você usar, pois se um novo cliente chega em seu restaurante e percebe que o local não se parece nem um pouco com as fotos que viu anteriormente, a sua primeira impressão não vai ser boa.

Atendimento

Da recepção à hora de fazer o seu pedido, atenção e gentileza são essenciais. O seu cliente fez reservas? Diga que estava esperando por ele, faça ele se sentir especial. O cliente estará te avaliando desde o início, pelo tempo de espera por uma mesa, em como os garçons se comportam, se vestem e conhecem o cardápio, etc.

Na hora do pedido, agilidade e dar sugestões são sempre bem vindos. Treine os seus atendentes para saberem quais sugestões dar e sempre serem educados, fazendo o cliente acreditar que qualquer prato que for escolhido vai ser uma ótima pedida.

Produto

Essa é a hora da verdade na jornada do cliente. O seu estabelecimento pode ser encantador e o seu atendimento impecável, o que não diminui a importância do produto que você serve, a sua comida, harmonizar com todo o resto. Além de ser prazeroso de comer, a apresentação conta muito, o seu prato precisa estar convidativo.

Faça um controle sobre a qualidade dos alimentos utilizados e escolha bons profissionais, conhecendo os seus antecedentes. Sem esquecer da higiene, a sua comida pode ser a melhor comida que o seu cliente já comeu na vida, mas se ele achar um fio de cabelo ou algo não comestível, as chances de ele retornar são quase nulas. Lembrando que a higiene do seu restaurante vai além de lavar as mãos ou usar touca na hora de manusear os alimentos, a aparência dos profissionais e do local em geral precisam ser checados todos os dias. Todos os colaboradores devem ser educados e treinados sobre os cuidados com a higiene diária, devem saber por exemplo que não se deve falar, tossir ou espirrar sobre os alimentos ou utensílios de cozinha.

Hora de fechar a conta

“A senhora aceita uma sobremesa? Um cafezinho?” Orientar assim como foi feito na hora do pedido principal mostram a preocupação com o consumidor. Essa também é uma boa hora para informar sobre promoções que podem acontecer em certos dias da semana, a possibilidade de delivery, entre outras informações relevantes. Aproveite para fazer uma pesquisa de satisfação simples, apenas perguntando se estava tudo bem, se a comida estava boa e se sentiram falta de algo no tempo que estiveram no estabelecimento.

O seu cliente pode pedir a conta e demorar para ir embora. Isso é um bom sinal, não fique rondando a mesa ou aparecendo toda hora, o consumidor pode se sentir pressionado e você não quer que isso aconteça.

Cada etapa da jornada do cliente deve ser especial para ele, desde a descoberta do local até a hora de ir embora e escutar um ”volte sempre!”. Uma jornada que fideliza o consumidor é um caminho onde todos os detalhes são idealizados, planejados e bem executados. Use e abuse de todos os recursos que possam fazer o seu cliente ficar satisfeito e voltar sempre.

DEIXE SEUS COMENTÁRIOS