• Home
  • Marketing
  • Por que não fazer uma oferta geral, e sim segmentada

Por que não fazer uma oferta geral, e sim segmentada

Por que não fazer uma oferta geral, e sim segmentada

É comum ainda hoje, empresas fazerem ofertas ‘’gerais’’, aquelas ofertas e campanhas que tentam atingir diversos públicos de uma vez só. Porém essas ações funcionam de verdade apenas para uma parcela desse público. O que pode ser considerado uma oferta ruim, que pode fazer você perder dinheiro e até mesmo clientes. Fazendo uma oferta segmentada, você atinge o público certo, aumentando suas chances de venda e fidelização no futuro.

Fale com quem interessa

Dentro da sua base de contatos com certeza existem diversos perfis, uns muito diferentes dos outros. Seja a cidade que residem, se são homens ou mulheres, suas idades, o estágio de compra deles, entre outras características. E quando você se comunica com um cliente ou possível cliente, você precisa entender se esse consumidor realmente se interessa pelo assunto. Fazendo uma oferta segmentada para o seu público, você consegue atingir quem tem mais chances de ver valor em uma determinada oferta.

Digamos que você tem um estabelecimento em Florianópolis e outro em São Paulo. Por que o seu cliente de São Paulo iria se interessar sobre uma promoção que vai ser feita apenas em Florianópolis? Na pior da hipóteses, o cliente pode parar de ver valor em qualquer mensagem sua, parando de abrir emails e SMSs, parando assim de saber quando ele pode se beneficiar com uma oferta, consequentemente parando de consumir os seus produtos e serviços.

Ofertas personalizadas

Como falei anteriormente, ao separar os seus clientes em grupos, com determinados hábitos e necessidades, fica muito mais fácil personalizar as suas ofertas. Um cliente não aparece no seu estabelecimento faz mais de 1 mês? Que tal enviar uma oferta falando que sente saudade e oferecendo um desconto especial para ele? Ou ele acabou de comprar um produto seu, porque não dar um brinde para estimulá-lo a voltar em pouco tempo para o seu restaurante ou loja?

Uma oferta segmentada tende a ser personalizada por natureza. Pois o público é menor e se conhece mais sobre ele. Quando se sabe exatamente o que ele quer, você consegue dar exatamente o que ele quer! Ou até mesmo criar uma necessidade que ele nem sabia que tinha e passou a ter após receber suas ofertas.

Retenção e fidelização de clientes

Segundo o SEBRAE, fidelização quer dizer aumentar a taxa de retenção de clientes, evitando que eles migrem para a concorrência. Isso deve ser exatamente o que você deve ter em mente ao segmentar as suas ofertas. Você não quer que o seu cliente vá procurar por um serviço melhorar na concorrência.

Reter um cliente é muito mais do que apenas enviar ofertas personalizadas com o nome do cliente e lembrando que ele não vêem no seu estabelecimento faz mais de 1 mês. Mas esse tipo de ação ajuda, e muito, na retenção dos seus clientes, que em um futuro leva a fidelização do mesmo, pois fidelizar alguém é uma tarefa a longo prazo. Planejadas as suas ofertas e as segmentando, você está no caminho certo.

Quando você segmenta uma oferta, você consegue atingir diretamente uma parcela de consumidores, aqueles que podem estar verdadeiramente interessados. Conseguindo assim tratá-los de maneira mais pessoal, entendendo se a sua ação deu certo ou não. O que é difícil de mensurar em uma oferta geral. Aposte nesse tipo de oferta! Suas chances de fidelizar os seus clientes são muito maiores implantando essa cultura na sua empresa.

DEIXE SEUS COMENTÁRIOS